Diário de Bordo

Aqui ficará registado as aventuras e desventuras do meu percurso pelos mares das tecnologias... Foi com este objectivo que iniciei este diário. Hoje é mais do que um blog sobre o estudo das Tecnologias Educativas; é um registo do meu percurso de aprendizagem (de vida), onde as tecnologias continuam a ter importância. Sei que não o teria consigo manter se não fosse o seu formato digital; as interacções que aqui se estabelecem.

sábado, outubro 28, 2006

Constatações

Tornaste-te demasiado independente para o meu gosto... Foi o que uma vez alguém me disse; o que muitas devem pensar…! Na altura não percebi bem o sentido nem as implicações destas simples palavras, de tom duro, quase magoado. Limitei-me a encolher os braços e a dizer a mim mesma…sim, é verdade. Cresci!

Hoje, reconheço que essa autonomia é criticada por muitos; assusta outros tantos. Mas será assim tão difícil perceber que aquilo que espero da vida, e de mim, não passa pelas mesmas aspirações da maioria…?!

Afinal já não estamos nos anos 50, nem a universidade é campo de pesquisa de um marido e da máquina de lavar perfeita! As minhas ambições não passam por aqui. Peço perdão se incomodo… mas quero seguir o meu caminho acompanhada por aqueles que merecem a minha atenção, e eu a deles, sem amarras. Em liberdade!

5 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial