Diário de Bordo

Aqui ficará registado as aventuras e desventuras do meu percurso pelos mares das tecnologias... Foi com este objectivo que iniciei este diário. Hoje é mais do que um blog sobre o estudo das Tecnologias Educativas; é um registo do meu percurso de aprendizagem (de vida), onde as tecnologias continuam a ter importância. Sei que não o teria consigo manter se não fosse o seu formato digital; as interacções que aqui se estabelecem.

terça-feira, outubro 17, 2006

Onde me realizo profissionalmente

“…you have got to be one of the most enthusiastic English teachers in the world! Teaching is so much entertaining, and I’m sure your classes are a lot of fun, so people learn a lot.”

Não sei até que ponto isto se confirma. O facto é que esta frase foi-me enviada, a mim(!), por mail, por alguém que me conhece. Fez-me reflectir.

O verdade é que o meu entusiasmo é grande, sé é o maior não faço ideia. O ensino, de facto, é divertido ( na minha perspectiva) e alegra-me poder auxiliar na aprendizagem dos outros. Gosto. Acabo sempre por aprender atmbém. Na sala de aula realizo-me, encontro uma vocação que descobri ser a minha. Se tenho jeito ou não, quem por lá passar poderá dizer com maior certeza. O que realmente sei é que gosto de ensinar e tenho receio de ter de parar…

Hoje fui trabalhar. Cheguei ¾ de hora mais cedo por mero acaso. Ainda meio a dormir fui abordada por um dos aluno que me perguntou, em jeito de me informar “ Dá-nos aulas hoje?” ao qual respondi apenas com uma expressão de pasmo, como que a dizer-lhe que não era sua formadora. Deve ter percebido, porque logo atalhou que a outra formadora estava doente e que por isso seria eu a sua substituta. Aí acordei. “Ah! Então vou dar-vos aulas!”, “Ah! Pois…vou dar aulas…a vocês…só um momento, sim?” e saí a correr à procura da farda. Em cinco minutos estava de volta, ainda sem saber muito bem o que iria fazer (Sem aviso prévio é um bocado difícil de adivinhar os conteúdos programáticos…! ).

Mas quando entrei na sala de aulas, o nervosismo desapareceu e tudo correu bem.

Chego, explico a razão por que ali estou, largo umas piadas sobre o trabalho de casa (resultam sempre!!), pergunto onde vão na lição e como está a correr o curso em geral e a partir daí o show continua por ele próprio. Aqui transformo-me; consigo levar o navio a bom porto, ajudando nas aprendizagens enquanto comunico e brinco na língua que aqui se aprende, para que a pratiquem sem grandes ansiedades. Afinal o que é preciso é descontracção e uma grande dose de estupidez natural. E meus amigos, isso tenho para dar e vender…nada que já não tivessem notado!

E quem disse que as minhas aulas são divertidas, será em grande parte por o que aqui foi relatado!

1 Comentários:

  • Às 10:14 da tarde, outubro 17, 2006 , Blogger sara disse...

    Não tenho dúvidas em como és uma excelente professora. Como sempre voto em ti!! (até quando me quero perder...voto em ti!lololo) Quanto aos formandos mais que os "opinanços" em forma de resma de papel falam as atitudes e o inglês deles, não? (e eu bem me recordo que num certo dia houve flores! :-D)

     

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial