Diário de Bordo

Aqui ficará registado as aventuras e desventuras do meu percurso pelos mares das tecnologias... Foi com este objectivo que iniciei este diário. Hoje é mais do que um blog sobre o estudo das Tecnologias Educativas; é um registo do meu percurso de aprendizagem (de vida), onde as tecnologias continuam a ter importância. Sei que não o teria consigo manter se não fosse o seu formato digital; as interacções que aqui se estabelecem.

domingo, fevereiro 20, 2005

Episódios da vida de uma comunidade algures no mar das tecnologias

Aventuras a bordo do navio BaW2005

Semana 2

A segunda semana foi dedicada a ferramentas de comunicação síncrona: texto e voz. Fizemos o download do Yahoo Messenger e do MSN, criamos listas de buddies e metemo-nos à conversa. Marcámos também encontro na Tapped In. Construiu-se escritórios para quem ainda não tinha, continuamos a conversar e com a ajuda dos outros lá íamos conhecendo os cantos daquele bairro, que viria a ser um dos locais mais utilizados para estabelecer comunicação síncrona entre o grupo. A confusão inicial foi mais que muita. O pessoal decidiu aparecer em peso, mesmo com um fuso horário tão diversificado como é aquele que nos separa. Havia quem tivesse acordado a meio da noite para marcar presença, outros estavam já a pensar no jantar e havia quem ainda não tivesse almoçado! Mas apesar disso toda a gente gostou e ficou satisfeita por ter sido apresentad@ a uma nova ferramenta.
O ALADO foi outra das ferramentas seleccionadas pelas coordenadoras. Trata-se de uma ferramenta de comunicação síncrona de voz. Não tive possibilidade de participar activamente nesta sessão. Interferia com o meu horário e não pude fazer nada. Contudo, a sessão foi posteriormente disponibilizada online e assim tive oportunidade de espreitar o que o grupo tinha feito. Em diferido não é realmente a mesma coisa. Estar lá no momento, poder interagir e sentir aquele nervosismo miudinho típico de quem é inexperiente nestas andanças, faz toda a diferença. A dimensão emocional é nessas alturas muito maior e mais intensa.
Mas para quem não teve a oportunidade já não é nada mau. Esta é, sem dúvida, outras das vantagens que as tecnologias nos oferecem: poder recordar e registar aquilo que fazemos em ciberespaço. Essas sessões foram dedicadas a blogs e construção de páginas. Falou-se de experiências pessoais com algumas ferramentas, como o blogger, que as oradoras fizeram questão de partilhar connosco. O grupo ia interagindo, comentando e colocando questões. Fiquei com mais umas luzes em relação aos assuntos focados. Só tenho pena de não ter estado, virtualmente, presente.
Quanto às ferramentas síncronas de texto: sempre que podemos marcamos reunião virtual. Aos Domingos o ponto de encontro é na Tapped In. Já é uma tradição dos Webheads. Todos os Domingos das 12:00 às 14:00 os veteranos, elementos mais antigos dos webHeads, encontram-se nessa Comunidade. Nós, os freshmen :-), fomos convidados a juntar-nos ao grupo. Quando podemos aparecemos por lá para pôr a conversa em dia.
O workshop está mesmo a correr bem!

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial